DÉCOR GEOMÉTRICO

Explorando matérias-primas que fogem aos clássicos, ladrilhos ganham novas texturas, formas e materiais

DÉCOR GEOMÉTRICO

Por:

Peclers Paris

Peclers Paris | 15/11/2017

Reinterpretados por grandes designers, produtores industriais inovadores e artesãos criativos, os ladrilhos ganham novas texturas, formas e materiais. Com cores e acabamentos inusitados, ocupam lugar de destaque em todos os ambientes da casa: do chão ao teto, em doses homeopáticas ou massivas. De olho nas últimas tendências deste universo, a PeclersParis percorreu feiras internacionais como Cersaie, Maison & Objet, Salone del Mobile de Milão e o London Design Festival. Um verdadeiro mosaico de novas ideias com direito a azulejos produzidos com cascas de grãos de arroz e pastilhas feitas de vidro reciclado de telas de TV e monitores de computador. Mergulhe neste universo:

Cleção Plumage, por Cristina Celestino | foto: reprodução 

ARTESANATO GRÁFICO 

Inspirados por técnicas artesanais ancestrais, estas ousadas coleções com acabamentos elaborados, ricos em detalhes e imperfeições, apresentam tons refinados e ornamentais.

Atelier Zelij
Zelliges são pedaços de terracota esmaltada, cortados um a um e distribuídos organizadamente em uma parede de argamassa. Usados majoritariamente para decorar paredes, fontes e escadas, eles são típicos da arquitetura moura da Andaluzia. A Ateliers Zelij desenvolve no Marrocos telhas de cimento e zelliges 100% artesanais. Através da escultura ou pintura, os azulejos são decorados com motivos tradicionais ou contemporâneos.

Karak
Raku é um termo que se refere à tigela de cerâmica tradicional utilizada durante a cerimônia do chá; assim também é chamada a técnica de queima de cerâmica que a produz. Trata-se de um procedimento complexo que resulta em peças únicas de aspecto cru, em cores metálicas, com esmalte produzindo estampa aleatória e efeitos esfumaçados típicos de argila bruta. O coletivo austríaco Karak reúne designers, arquitetos e artistas e produz coleções com base nesta técnica de herança japonesa, porém acrescentando padrões gráficos criados digitalmente. A marca exalta a mistura de culturas, combinando a tradição e a modernidade com elegância.

BottegaNove
Delicada e refinada, a coleção de cerâmica 'Plumage' criada por Cristina Celestino para a marca italiana BottegaNove revoluciona o artesanato, oferecendo uma coleção de mosaicos tridimensionais em cerâmica e porcelana, sutilmente matizadas.

Azulejos da Sonite Surface produzidos com cascas de grãos de arroz descartadas | foto: reprodução

ECO FRIENDLY
Materiais reciclados e em harmonia com o meio-ambiente, provenientes de variadas fontes de resíduos são cada vez mais utilizados. Produtos feitos à partir de técnicas eco-inovadoras ganham espaço substituindo as opções de matérias-primas tradicionais.

Mosaicomicro
Lançada durante o London Design Festival, esta coleção de micro-pastilhas contemporâneas é produzida a partir de vidro reciclado proveniente de telas de TV e monitores de computador. Mais leves que a média, elas também economizam o consumo de energia durante a produção.

Sonite Surfaces
Depois do sucesso dos mosaicos "Java" feitos a partir de café, este produtor tailandês apresenta a coleção 'Husk' produzida com cascas de grãos de arroz descartadas. Mais lisos do que as tradicionais telhas de cerâmica ou vidro, estes azulejos geométricos e ligeiramente translúcidos estão disponíveis em várias cores.